quarta-feira, 30 de março de 2011

As duas Pascoas

História: As Duas Páscoas

AS DUAS PÁSCOAS

A comercial e a Páscoa Cristã






1a- O Coelho Quando pensamos em páscoa lembramos logo de coelho da páscoa, todos os cartões de páscoa e os comerciais de Tv só falam nele.


1b- O Cordeiro Na primeira páscoa quando o povo de Israel saiu da escravidão do Egito, Deus mandou que matassem um cordeiro sem defeito e passassem o sangue deles nas portas para que ninguém de seu povo morresse naquela noite. A morte desse cordeiro e seu sangue derramado representava o que Cristo iria fazer mais tarde para nos salvar de nossos pecados- que foi exatamente o que aconteceu quando Jesus foi para Jerusalém comemorar a sua última páscoa.





2a- O Ovo de PáscoaQuando chega a páscoa as lojas ficam cheias de ovos de chocolates e todo mundo compra, come e dá de presente para alguém.

2b- Pão e vinhoMas quando Jesus se reuniu com seus amigos para comemorar sua última páscoa, Ele comeu o pão e bebeu vinho e disse que era assim que eles queriam que nós comemorássemos também, nos lembrando Dele e de seu sacrifício que estava para fazer por nós.




Aplicação 1:Você já aceitou Jesus, Deus quer que você comemore a páscoa lembrando que Jesus é a nossa páscoa.(1João 5:7)

3a- FeriadoOutra coisa que gostamos na páscoa é do feriado, do descanso, dormir até mais tarde...

3b- Jesus OrandoMas Jesus não descansou naquela noite, Ele passou a noite orando, porque sabia o que iria acontecer naquele final de semana de Páscoa.

4a- Feliz PáscoaNa páscoa as pessoas ligam, mandam cartões desejando feliz páscoa para todos, mais a maioria delas nem sabe o que quer dizer realmente.


4b- CoroaA última páscoa de Jesus não foi uma "Feliz Páscoa". Naquela noite quando estava orando, Ele foi preso e levado para ser julgado, condenado e espancado. É que as pessoas que não acreditavam que Ele era o Filho de Deus que veio para nos livrar de nossos pecados, queriam matá-lo. Mas antes o maltrataram muito e até colocaram uma coroa de espinhos em sua cabeça, para que Ele sofresse mais ainda.

5a- PresenteNa páscoa nós sempre esperamos receber alguma coisa das pessoas que amamos: um bombom, uma cesta de chocolates, um cartão, presentes... E quando não ganhamos nada ficamos tristes.

Aplicação 2:Deus quer que você que já aceitou Jesus seja diferente, e comemore a páscoa mesmo que você não ganhe nenhum presente. Lembrando-se de Jesus e aproveitando a oportunidade para falar aos outros do verdadeiro sentido da páscoa, que é Jesus.

5b- CruzNa última páscoa Jesus quis nos dar o maior presente: Sua própria vida para nos salvar da morte eterna, que é o castigo dos nossos pecados. Da mesma forma que um cordeiro sem defeito precisava ser morto e seu sangue derramado para proteger o povo da morte, Jesus, o perfeito filho de Deus, foi morto na cruz e derramou o Seu sangue para nos dar vida eterna. E Ele fez isso por amor. (Romanos 5:8)

6a- CriançaQuando chega o Domingo de Páscoa, as pessoas já comeram tanto chocolates que estão meio enjoadas, algumas estão até mais gordinhas. Mesmo assim continuam vazias e tristes.
6b- TúmuloVazio Naquele Domingo de Páscoa, três dias depois que Jesus foi morto e sepultado, também havia algo vazio: Era o túmulo onde Ele havia sido sepultado. Quando algumas mulheres foram visitá-lo lá encontraram o túmulo vazio. Elas ficaram assustadas quando o anjo disse: " Ele não está aqui, porque já ressuscitou, como havia dito" Toda tristeza daquela Páscoa se transformou em alegria quando os amigos de Jesus descobriram que Ele estava vivo. Você também pode ter essa alegria hoje se receber Jesus como seu salvador... (apelo)

Quando você terminar de contar a historia tire uma copia da atividade acima e crie com eles
a historia em miniatura, uma para cada aluno.

Eu tenho esta história ja pronta e é otimo contar ela. então achei no blog mensageiros mirins todos os visuais para vcs tambem se divertirem ao ministrar a palavra de Deus.
Fonte: Mensageiros mirins

Pascoa

Sugestões para a Páscoa

Fonte: Aprender e Cia

.
.
.

.

.
.
.
.
.
.
.
.

.
..
.

.
.
Este livrinho pode ser feito também em EVA

.
.
.
.

.
.
Mais ideias

.
..
.

http://2.bp.blogspot.com/-HM4Mki_Zan8/TXFXCqHwytI/AAAAAAAALI8/cj9MDXrqUsE/s1600/Digitalizar.jpg

    quinta-feira, 24 de março de 2011

    FORMAÇAO II

        A secretaria de Educação do Estado do Rio Grande do Norte-SEEC, ofereceu Pós –graduação a distancia,    Curso de Especialização em Gestão Escolar, para os gestores escolares eleitos para o biênio 2010/2011. As vice- diretoras Ana Cléa Sobral e Leonilde Sobral das escolas estaduais de Upanema estão fazendo o curso. Confira alguns momentos dos encontros  presenciais.





    FORMAÇAO I

    A secretaria de Educação do Estado do Rio Grande do Norte - SEEC junto a Coordenação Regional de Educação- CORE, ofereceu um curso de formação continuada para os gestores escolares eleitos para o biênio 2010/2011. Os encontros foram realizados em natal em 4 etapas. Os gestores e coordenadores pedagógicos das escolas estaduais ALFREDO SIMONETTI, e CALAZANS FREIRE participaram dessas formações.





    quarta-feira, 16 de março de 2011

    Histórico da Escola José Calazans Freire

    Fachada da escola
    Histórico da Escola Estadual José  Calazans Freire
    A Escola Estadual Jose Calazans Freire é uma escola jovem, porém de referencia para a comunidade de Upanema, por ser a 1ª escola de ensino médio no município.
    Upanema até 1979 não contava com uma escola de ensino médio. Existiam as Escolas Alfredo Simonetti, oferecendo o 1º grau menor e o Ginásio Agrícola Municipal oferecendo o 1º grau maior.  A partir de então foi implantada a Campanha Nacional de Escolas da comunidade- CNEC, sendo mantida por bolsas de estudos, materiais e equipamentos adquiridos pelo prefeito da época o saudoso Luiz Candido Bezerra (in memória), também a colaboração simbólica dos alunos e a prefeitura Municipal de Upanema era a grande  parceira,tanto é que  assumiu o Ginásio agrícola e criou o 1º grau menor,  ficando Escola Cenecista de I e II graus José Calazans Freire; recebeu esse nome  em homenagem a um  grande atleta filho da terra. Recebeu a autorização para funcionamento   do Conselho Estadual de Educação_ CEE  pela portaria 199/86, e o parecer do CEE, 17/86.
    As escolas cenecistas tinham uma diretoria local formada por presidente, diretor, secretaria e segundo o seu estatuto estes deveriam ser escolhidos pela comunidade escolar, o que não acontecia, pois sempre eram colocados por indicação política  para dirigir a escola.       
    Após 10 anos de funcionamento, surge a oportunidade de escolha para presidente local da instituição sendo escolhido o prof. Luiz Gonzaga Gondim, que tinha como uma das propostas de trabalho a luta pela estadualização, uma vez que a escola passava por dificuldades financeiras  sendo difícil sua manutenção. Nesse período também foi criado o 1º grêmio Estudantil da escola, o que foi muito importante para a representação e participação dos alunos na luta pela estadualização.
    Como a estadualização  dependia de vontade política,  nesta luta fizemos um documento exposto toda situação da escola e foi entregue aos candidatos à  governo do estado Lavoisier Maia e José Agripino, onde se comprometeram  em fazê-lo, caso eleito. Venceu as eleições o Jose Agripino  e após irmos varias vezes a Natal conseguimos a estadualização  com publicação no diário oficial do estado de 11 de agosto de 1992. O prefeito municipal era o Sr. Valério augusto Tavares que foi também um grande  lutador conosco nesta causa. A escola agora recebeu o nome de Escola Estadual José Calazans Freire  - Ensino de I e II graus.
    Após a estadualização os diretores continuaram a serem indicados pelos políticos até o ano de2005; Conforme consta em alguns documentos da escola, embora obscuros, pois alguns diretores eram sucedidos mais de uma vez por ano,  organizamos alguns dados conforme registros arquivados na escola, da seguinte maneira:
    ·        . Do ano 1969 ate197 forma diretores do Ginásio Agrícola,  A Sr. Maria Solidade Freire. O Sr. Armando de Costa ferreira e a Sr.ª Sonia Maria Avelino Bezerra.
    ·         Do ano 1979 ( implantação da CNEC)  até 1981 o diretor foi William Lopes guerra.
    ·        De 1982 a 1983 –  Maria de Fátima Tavares de Aquino
    ·        Em 1984- Leda Maria Bezerra de Mendonça
    ·        De  1985 1988 - Maria de Fátima Tavares de Aquino
    ·        Em 1989 – Maria do Socorro da Silva Targino
    ·        Em 1990-  Maria de Fátima Tavares de Aquino
    ·        Em 1991 – Antonio Aldo de Carvalho
    ·        Em 1992 – Regia Maria Mendonça
    ·        Em 1993 a 1994 – Adelcina  Medeiros  Barbosa  Bezerra
    ·        Em   1995 – Maria Leni de Oliveira Gondim
    ·        De 1996 a 1999 – Antonio Ribamar Ribeiro e Silva
    ·        De 2000 a 2001 – Silvio  Antonio Bastos Freire
    ·        Em 2002 – Antonio Carlos da Costa Junior
    ·        De 2003 a 2005 – Simone Maria Bezerra de Farias
    A luta pela gestão democrática da escola publica nasceu  da mobilização social do Brasil nos anos 80, tendo com base legal os artigos 206 da constituição federal, 135 da constituição estadual e 14 e 15 da lei de diretrizes e bases da educação nacional. Para desencadear esse processo na rede estadual de ensino foi elaborado um documento com apoio de fóruns regionais e estaduais, com a representatividade da SEEC- RN ( secretaria de estado da educação e da cultura), SINTE_RN, (sindicato dos trabalhadores em educação)  APES ( Associação Potiguar  de estudantes secundaristas) , ANPAE( Associação Nacional de políticas e administração da educação) que se consumou com  a lei 290 publicada no DOE  nº 10.924 de 17/02/2005.
     As eleições diretas para diretores e vice-diretores das escolas estaduais no RN representam um grande avanço na política educacional e um direito que se fundamenta no principio de gestão democrática, garantido a participação de toda comunidade escolar.
    No ano de 2005 foi eleita pela comunidade escolar  a 1ª equipe gestora da escola Calazans Freire para o biênio 2006/2007:
    Diretor: Antonio Lopes Bezerra
    Vice-diretor: Antonio Carlos da Costa Junior
    Coordenador pedagógico: Leonilde Sobral Dantas
    Coordenador Adm. Financeiro; Geane Gomes Campina

    Junto a essa equipe passou a atuar na escola O conselho Escolar ,o conselho Fiscal da Caixa Escolar, o qual e registrado como pessoa jurídica sob o CNPJ 01.822.073/0001- 21, e  O grêmio estudantil Aldo Felinto que é um grande parceiro nos eventos para estudantes como nos jogos  inter-classe, torneio, escolha de lideres, de bela estudante, festas juninas e outros movimentos como congresso dos estudantes .Também o grêmio tem o seu próprio bolg:  gremioaldofelinto.blogspot.com
    Logomarca do gremio
    Para o biênio 2008/2009,foi eleita a equipe gestora:
    Diretor: Leonilde  Sobral Dantas Fernandes
    Vice-diretor: Antonio Carlos da Costa Junior
    Coordenadora Pedagógica: Maria de Fátima Martins dos Santos
    Coordenador Adm. Financeiro; Geane Gomes Campina

    Para o biênio 2010/2011 foram eleitos:
    Diretor: Antonio Nicacio da Silva
    Vice-Diretor: Leonilde Sobral Dantas Fernandes
    Coordenadora Pedagógica: Maria de Fátima Martins dos Santos


    Antonio Nicacio e Leonilde

    Atualmente a Escola Calazans Freire  está localizada na Rua Antonio Vitorino, 16, centro de Upanema, conta com uma boa estrutura física, temos 10 salas de aulas no 1º andar da escola e no térreo temos um pequeno auditório, Laboratórios   de informática e de Ciências ,salas  de Vídeo, de professores ,  do grêmio estudantil, diretoria,  secretaria , almoxarifado, e outros pequenos espaços.

    Atendemos aproximadamente 700 alunos de ensino fundamental, Médio e EJA desenvolvemos  muitos projetos, programas, palestras , encontros formação para professores reuniões e confraternizações para o fortalecimento do trabalho escolar.